Drenagem Linfática

A
drenagem linfática é uma técnica inicialmente utilizada em linfedemas (grandes inchaços nas pernas), uma doença que afeta o sistema linfático, dificultando a circulação de retorno.

O sistema linfático é um sistema independente da circulação sanguínea. Não possui músculos em sua parede, contendo apenas válvulas que impedem que o líquido se acumule em nosso pés; corre paralelo aos vasos sanguíneos e independe da movimentação do corpo para continuar funcionando.

O sistema linfático depende principalmente de contração muscular para circular a linfa e levar o excesso de líquido para os rins. Os músculos da panturrilha funcionam como o ´coração`do sistema linfático, bombeando a linfa para cima.

Existem situações que levam à insuficiência do sistema linfático em drenar líquidos: permanecer muito tempo sentado ou de pé (principalmente de salto alto), insuficiência circulatória, gravidez, obesidade, retenção de líquidos, distúrbios hormonais, cirurgia plástica…

A Drenagem Linfática é uma massagem suave, que utiliza cremes para melhorar a circulação, com manobras de deslizamento, fricção e amassamento, sendo realizada em 1 hora ou 30 minutos dependendo do paciente. A idéia principal é drenar a linfa para os linfonodos principais, responsáveis pela eliminação deste líquido para os rins.

Também utilizamos a drenagem linfática para celulite, associada ao ultrassom (recurso fisioterápico que consiste em agitar as células com ondas sonoras), desfazendo nódulos que são consequência de má circulação, uso da pílula anticoncepcional, hereditariedade ou sedentarismo.

Além disso, utilizamos a drenagem para diminuir o desconforto e eliminar mais rapidamente o inchaço e hematomas decorrentes de cirurgias plásticas como lipoaspiração, a fim de ajudar na reorganização do tecido agredido pelo procedimento.